Pecados

Área Privada

Vídeos

Descarregar

Suporte

Autores

Testemunhos

Int. aos Capítulos






Inveja
10Abr2009 09:00:00

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | INVEJA | EUCLIDES CAVACO


A inveja é malquerença,
Que não faz nenhum sentido,
É quase como a doença,
Sem remédio conhecido.

É a arma do ignorante,
Que não consegue vencer
E cobiça a cada instante,
O que pretendia ser…

Quase sempre os invejosos,
São destros a inventar,
Matreiros e ardilosos,
Para alguém prejudicar.

Se a inveja fosse tinha,
Era levado da breca,
Porque havia aí gentinha,
Que há muito era careca.

Se a pudessem musicar,
O mundo era sinfonia,
Com tanta gente a tocar,
Essa iníqua melodia…

Que morra bem longe quem,
Sofre desta enfermidade,
Que afecta com desdém,
A nossa sociedade !…

Que os nocivos invejosos,
Sempre falsos e indiscretos,
P’los seus instintos maldosos,
Nunca cheguem a ter netos!…

Euclides Cavaco

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | INVEJA | EUCLIDES CAVACO


 



Partilhar:

| Guardar em formato PDF
Artigos Relacionados
Inveja
Debaixo da Farinheira!
Quero
Os Olhos ao Lado
Inveja
Inveja
Querer


Para poder comentar necessita de iniciar sessào.