Pecados

Área Privada

Vídeos

Descarregar

Suporte

Autores

Testemunhos

Int. aos Capítulos






A Rede da Encosta
05Fev2010 23:43:33



BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | 7PECADOS | PREGUIÇA | EDUARDA


Ar e sombra se unem e fogem,

apartando-se como lei de órbita

que gira a rede da encosta,

reflexo de um qualquer estado

que pode ou não ser alma errante.


Caem as cores de sons,

discurso anacrónico de todos os tempos,

como arma infligida de areia,

no corpo cansado,

deslizando a voz obscura do deserto.



Entram nas cavernas os tons da terra,

emergindo as madeiras moldadas de falsos Invernos,

água coalhada de penas que foram essência,

hoje poema riscado de abutres

com palavras de lamentos.



Sem disfarces na escrita,

desarmam as gavetas e as lanternas

sem profundidade de escolha,

que se ironiza a cada tendência

no velho moinho, que roda a planície de todos os tempos.

 

Poema de Eduarda

 

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | 7 PECADO | PREGUIÇA | EDUARDA
 



Partilhar:

| Guardar em formato PDF
Artigos Relacionados
Preguiça
Inerte
Exaustão
Preguiça
Preguiça
O Sonho dos Preguiçosos
Preguiça I


Para poder comentar necessita de iniciar sessào.