Pecados

Área Privada

Vídeos

Descarregar

Suporte

Autores

Testemunhos

Int. aos Capítulos






Sinto-me enganado com a inveja
29Jun2010 12:11:44

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | 7PECADOS | INVEJA | CANDIDO CORREIA

Estou enganado com a inveja

Como uma ilusão alucinada

Sinto o vento e a morte cintilar

Petardos desfigurados pela potencia

Da inveja cujo desejo invisível

É a sátira desfigurada e massacrada

Que rebenta uma chama adormecida

Num  leito de amor e tolerância.

Para melhor perceber tentei compreender

Como tanta inveja  num mundo de paz

Transforma quem da frente para trás

Diz que faz o que não fez

Para fazer o que não faz...

 

Por vezes chego a invejar

Quem com um simples pestanejar

Consegue num ápice compilar

Um poema para o mundo recordar

Para ser poeta cheguei a pensar

Que bastava escrever sempre a rimar

Com frases direitas e sem me enganar

Uma obra escreveria se calhar

Porem, esse  sonho de desdém

Essa leviandade superficial

Gorou-se quando li alguém

Como o Fernando Pessoa tão genial...

Consigo tolerar a intolerância da fertilidade  alterada

Da genética que produz choques de sabores

De prantos semeados de divergências intelectuais

Verdes fluorescentes que encandeiam mentes contaminadas

 

Candido Correia

 

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | 7PECADOS | INVEJA | CANDIDO CORREIA

 



Partilhar:

| Guardar em formato PDF
Artigos Relacionados
Inveja
Debaixo da Farinheira!
Quero
Os Olhos ao Lado
Inveja
Inveja
Querer


Para poder comentar necessita de iniciar sessào.